Yu-Gi-Oh! 2017 Novos Monstros Cyverse 

Fala gurizada ligada no blog da Solo, aqui quem escreve é o Felipe! E hoje, para marcar meu retorno ao blog eu vim trazer para vocês uma matéria abordando uma das novidades da era Link, um novo tipo de monstro em Yu-Gi-Oh!

Com o anúncio do novo arco de Yu-Gi-Oh! – o Yu-Gi-Oh! Vrains – muitas novidades já pipocaram, tais como os Link Monsters, as alterações nas zonas de monstro, mágicas/armadilhas, nos Pendulum e etc.

Todavia uma dessas novidades passou quase despercebida por nós e eu não estou falando de nenhuma dessas previamente citadas, mas sim do novo tipo de monstro. Os Cyverse!

Yu-Gi-Oh! VRAINS

Por que não Machine?

Logo de cara vimos uma pergunta recorrente entre os players deYu-Gi-Oh!: “Por que eles não são machine type?”. E a resposta é muito simples, tal qual no caso dos Wyrm (você ainda lembra deles, certo?) lançados na era ARC-V, que tinham cara de dragões, forma de dragão, foram confundidos com dragões, porém no final das contas não eram dragões, sabe por que?

Dar suporte a um determinado tipo/arquétipo é algo muito comum, é assim que os card games funcionam, mas lançar um pool de cards inteiro que beneficia apenas a um determinado tipo é suicídio.

Fortalecer um tipo já consistente e dominante é a pior coisa que se pode fazer em um jogo que visa o balanceamento entre as classes, pois além de estar excluindo as demais do metagame, só estarão fortalecendo algo que já era eficaz.

E isso além de acarretar em uma saturação de um determinado deck/arquétipo (coisa muito comum em Yu-Gi-Oh! nos últimos anos) desestimula os players – tanto antigos quanto novos – acabando por os fazer abandonar nosso querido joguinho.

Por isso os Cyverse simplesmente NÃO PODEM ser Machine (Tanto quanto os Wyrm não puderam ser Dragon), já que os Machine já são um tipo com suportes e tanto!

Se não são máquinas, afinal são o que?

Já que eu mencionei os Wyrm na sessão acima, vamos abordar um pouco da inspiração por trás dos Cyverse, afinal quem resiste a uma boa curiosidade, não é mesmo? Haha

Assim como os Psychic e os Wyrm, os Cyverse são um tipo novo de monstro inseridos no primeiro pack que representa o novo arco de Yu-Gi-Oh!, o Code of the Duelist (ainda sem previsão de lançamento para o TCG) e claro, serão utilizados pelo novo protagonista Yusaku Fujiki.

A inspiração da aparência de seus membros lembra muito TRON, o que faz muito sentido, já que tanto eles quanto este novo arco tem toda uma representação sci-fi/futurista. O que também espanta um pouco as comparações com os Machine, já que eles nunca tiveram a mesma “pegada” dos Cyverse, sempre foram máquinas puras, no geral.

TRON

Membros anunciados

Bem, eu já falei do seu controverso novo tipo, de sua inspiração e agora vamos falar dos membros já anunciados pela Konami:

Bittron

Começando pelo Bittron (eu falei de TRON, não falei?) que é um monstro Normal, Atributo Earth地, Tipo Cyverse, Level 2 e tem ATK/DEF 200/2000.

Ele é um monstrinho bem simpático, carismático e provavelmente estará para Yusaku como Kuriboh está para Yugi. Quanto ao competitivo, ele tem uma ótima sinergia com os demais monstros Cyverse que já conhecemos, principalmente com o Draconet, a Link Spider e o Honeybot, os quais irei falar mais à respeito já já!

Draconet

When this card is Normal Summoned: You can Special Summon 1 Level 2 or lower Normal Monster from your hand or Deck in Defense Position.

Draconet é um monstro de efeito, Atributo Dark闇, Tipo Cyverse, Level 3 e tem ATK/DEF 1400/1200.

Como vocês podem notar o seu efeito é diretamente voltado a invocação do Bittron, óbvio que podemos utilizá-lo em qualquer outro monstro normal que atende aos requisitos de level no seu efeito, porém EU duvido muito que consigamos tirar tanto proveito quanto com os Cyverse.

RAM Clouder

You can Tribute 1 monster, then target 1 Cyverse-Type monster in your Graveyard; Special Summon it. You can only use this effect of “RAM Clouder” once per turn.

RAM Clouder é um monstro de efeito, Atributo Light光, Tipo Cyverse, Level 4 e tem ATK/DEF 1800/1000.

O efeito desse carinha é bem simples, aparentemente ele gerará combos depois que já tenhamos iniciado nossas jogadas, ou seja, talvez seja um monstro mais de midgame ou lategame e não tão bom para uma opening hand.

Posso estar errado, claro, todavia ao que me parece ele pode ser um monstro mais lento e não ter tanto espaço em um futuro deck Cyverse, não tanto quanto os monstros previamente citados.

Cyverse Wizard

Once per turn: You can target 1 Attack Position monster your opponent controls; change it to Defense Position, and if you do, for the rest of this turn, monsters you control cannot attack, except to attack that monster, also if a Cyverse-Type monster you control attacks a Defense Position monster, inflict piercing battle damage to your opponent.

Cyverse Wizard é um monstro de efeito, Atributo Light光, Tipo Cyverse, Level 4 e tem ATK/DEF 1800/800.

Vou direto ao ponto, o pior Cyverse até agora. Mudar um monstro para posição de defesa? Sério Konami? Logo agora que estamos diante dos monstros Link…

Bem, para quem não sabe os Link não podem ser mudados sob circunstância alguma para posição de defesa, logo não vejo muito futuro para essa carta.

Claro, digo e repito, posso estar totalmente errado, já que tudo que estou citando tratam-se de predições, mas tenho quase certeza que não é um efeito de mandar um monstro do oponente para posição de defesa e infringir piercing damage que irá revolucionar o nosso card game atualmente.

Link Slayer

If you control no monsters, you can Special Summon this card (from your hand). Once per turn: You can discard up to 2 cards, then target that many Spell/Trap Cards on the field; destroy them.

Link Slayer é um monstro de efeito, Atributo Earth地, Tipo Cyverse, Level 5 e tem ATK/DEF 2000/600.

Um efeito versátil, que lembra muito o Cyber Dragon. Me parece um monstro ok, bom para uma invocação rápida e nada além disso.

Seu segundo efeito é o que me parece o menos usual, pode ser que até venha a ser utilizado SE a famigerada Twin Twinsters for pega na próxima ban list e além disso os efeitos de invocação do cemitério dos Cyverse forem realmente bons, já que assim o drawback que ele apresenta (o descarte) não seria tão pesado para o player, na realidade poderia vir a ser muito eficaz.

Honeybot

2 Cyverse-Type monsters
Neither player can target monsters in this card’s Linked Zone with card effects, also those monsters cannot be destroyed by battle.

Honeybot é um monstro Link, tem efeito, Atributo Light光, Tipo Cyverse, Com Link Markers para a Esquerda e Direita e tem ATK 1900.

Para mim o monstro Link com mais futuro até agora, fácil de ser feito, tem uma sinergia ótima com a Link Spider (próxima carta a ser citada) e indo mais longe já posso imaginar um combo “semi-lockdown”, onde colocando um Honeybot do lado do outro ambos impediriam o oponente de dar alvo e destruir 4 de seus monstros (no caso, os 2 Honeybot’s e mais os 2 monstros que foram invocados adjacentes a eles).

O que seria insano, já que se formos ainda mais longe, utilizando Mask of Restrict nem os Kaiju tirariam esses carinhas de campo.

O único problema que vejo nesse combo é como finalizar os monstros do oponente, já que mesmo estando indestrutíves por batalha e intangíveis por efeitos, eles não tem um atk tão bom, cabe aí aos demais monstros resolver essa tarefa.

Link Spider

1 Normal Monster
Once per turn: You can Special Summon 1 Level 4 or lower Normal Monster from your hand to this card’s Linked Zone.

Link Spider é um monstro Link, tem efeito, Atributo Earth地, Tipo Cyverse, Com Link Markers para Baixo e tem ATK 1000.

Essa amiguinha consegue ser até agora o monstro Link mais fácil de se invocar, além disso ela é um recurso que gera dois recursos, no caso ela mesma e mais o monstro que ela invoca pelo seu efeito, logo é uma carta grátis. Seu Link marker é bem limitado, porém o suficiente para trazer qualquer outro monstro de extra deck e desencadear um combo (como o exemplo do Honeybot). Seu único contra é seu baixo atk e como os monstros Link não podem ser trocados para defesa ele é uma faca de dois gumes na frente de decks ofensivos, como os Deskbot.

Decode Talker

2 or more Effect Monsters
This card gains 500 ATK for each monster in its Linked Zone. During either player’s turn, when your opponent activates a card or effect that targets a card(s) you control: You can Tribute 1 of your monsters in this card’s Linked Zone; negate the activation, and if you do, destroy that card.

Decode Talker é um monstro Link, tem efeito, Atributo Dark闇, Tipo Cyverse, Com Link Markers para Cima, Diagonal direita baixa e Diagonal esquerda baixa e tem ATK 2300.

Sinceramente o pior monstro Link mostrado até agora, na minha opinião. Sim ele é fácil de ser feito, eu sei. Tem um bom atk, eu sei. E bons Link Markers (será?), eu sei.

Mas seu efeito não me parece nada atrativo, não me entenda mal, não estou dizendo que ele é ruim, mas diante de cartas tão simples e funcionais como o Honeybot e a Link Spider, ele me parece um tanto quanto complicado de ser bem aproveitado, diferentemente dessas outras duas.

Mais uma vez torno a repetir, posso estar redondamente enganado, mas até agora ele me parece o monstro Link menos promissor, e tenho dito.

 

XOXO

Muito obrigado a todos que leram meu artigo de retorno ao blog da Solo o/ se possível deixe seu comentário, sugestão e avaliação, tanto sobre a matéria como as novidades que estão deixando todos os jogadores de Yu-Gi-Oh! de cabelos em pé!

E não se esqueça de compartilhar esta matéria nas suas redes sociais. E era isso então galera, até a próxima matéria, fé no coração das cartas sempre, um abraço e eu… Fuiiii!

4 comentários

  1. Finalmente Felipe, bom post, e que continue firme com seu canal e seu job na solo👌

  2. eu prevejo com o link spider e honey bot um meta bem aproveitado deles dois, contudo devem vir outros monstros link e cyverse que podem dar combos bem mais fortes para a honeybot, o decode talker tá ai uma carta que estou meio pé atras, ele é bom dependendo mt do deck que vá utiliza-lo, sendo um deck pendulo ele se torna uma carta indestrutivel e bastante overpower, mas acho dificil ve-lo se encaixando em outros decks com tamanha facilidade, alem dos pendulares, ainda fico revoltado com esta ideia da konami de mudar totalmente um jogo de card game com 20 anos de tradição, pendulo foi uma ideia broken mas ainda tava para aceitar, mas o link muda tudo no jogo, não vejo este tipo de mudança em outros card games assim, eles pegaram tudo o que promoveram no arc V que foram as invocaçoes especiais, com decks para todos tipos de sumons e inutilizaram eles de forma ridicula.

  3. Belo post Felipe, parabéns. Não tinha percebido o potencial de trolar o joguinho que a Honeybot tem 😀
    Mas também acho que o Decode Talker é um bom monstro comparando com os outros, pois a Honeybot ficou presa aos monstros Cyverse e a Link Spider aos monstros normais (essa parte é porque não uso monstros normais em nenhum dos meu decks :p), enquanto o Decode Talker apenas pede monstros de efeito. Então dá pra usar o Decode Talker em uma diversidade maior de decks.

    Força pro canal ai e flw *-*

  4. Não acho o Talker o pior, só o fato daquele maker grátis pro oponente, fora isso já vejo combos até com hieratic por exemplo.
    E pra completar o Stardust, pra mim, é o melhor monstro de protagonista!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*