Pokemon TCG TOP 10 Trovões Perdidos

TOP 10 – Trovões Perdidos!

E ai jovens! Aqui quem fala é o Tiusam, hoje vou fazer aquele Review clássico com o Top 10 das melhores cartas da nova coleção de Pokémon TCG, Trovões Perdidos, nossa Sol e Lua 8, que chega as prateleiras dia 02 de Novembro!

Eu estou extremamente animado com essa coleção, Trovões Perdidos parece insana, a segunda maior coleção de Pokémon TCG da história e com MUITAS cartas boas, voltadas para o competitivo, muitas possibilidades chegando.

Eu vou fazer esse Top 10, baseado em combinações de cartas, pra entendermos o que a coleção traz pra nós.

  1. Zeraora-GX

Que Pokémon é esse Tiusam?! Sim, nosso novato Zeraora, estréia no Pokémon TCG com uma excelente carta. Essa carta é impressionante, possui combinações de efeitos muito bons do passado, como a habilidade do Darkrai EX, Impacto Ossudo do Buzzwole GX e o Nitro Tank do Turtonator GX. Seu ataque GX, nem mesmo é restrito as energias elétricas e pode ser usado para carregar praticamente tudo. Como adicional, essa coleção traz o estádio Thunder Mountain e o item Electripower para ajudar os Pokémon elétrico. Entretando, o Deck exato onde essa carta vai jogar ainda é incerto, sua fraqueza a lutador é muito ruim para o meta atual, Decks com Buzzwole e Lycanroc ainda estão andando por ai. Provavelmente vai acabar sendo um suporte para Decks de Rayquaza GX, mas sem dúvida, Zeraora GX tem muito potencial e a qualquer momento pode se tornar extremamente relevante.

  1. Zebstrika

É um Pokémon estágio 1 que fica no banco e te ajuda a comprar cartas com sua habilidade. O custo de descartar a mão inteira pode ser meio duro, então provavelmente ela deve se tornar menos popular que os seus antecessores, no entanto, no Deck correto, essa habilidade pode ser extremamente poderosa. Descartar a mão e comprar 4 novas cartas, em Decks agressivos que não precisam dar tanto valor em cada unidade de carta que ainda resta no Deck, querem apenas nocautear 1 Pokémon por turno, ficariam felizes com 4 novas cartas com certeza. Com Octillery era possível ficar preso com uma mão ruim, a Zebstrika corrige totalmente esse problema.

Provavelmente vai cair nos Decks de Malamar ou Blacephalon, com uma linha de 1-1. Lost March e Granbull são Decks que também podem fazer um bom uso da Zebstrika!

  1. Professor Elm’s Lecture

Os decks de Zoroark GX perderam bastante sua mecânica de Setup, então essa carta surge para salvar o Deck. Buscar 3 Zorua com apenas 1 Apoiador, é muito mais fácil do que torcer para buscá-los de forma manual. Mesmo com vários itens de busca, uma Lillie no turno 1 não te garante nada. Professor Elm’s Lecture vai tornar o setup do deck de Zoroark GX previsível de novo. Qualquer Deck onde se precisava de Brigette, provavelmente caberá o Elm, vale lembrar que ele não é exclusivo de Pokémon básico, ele também pode buscar por Hoppip e Skiploom nos Decks de Lost March.

  1. Granbull

É muito fácil subestimar essa carta, mas a verdade é que Granbull tem muito potencial! Um atacante não GX, com 130 de vida que pode causar 160 de dano com apenas 1 energia?! Isso é muito louco, apenas do custo extremamente preciso de não ter nenhuma carta na mão. O jogador Shun Ito, pilotou um Deck desse e ficou em 9th lugar na mais recente Champions League, portanto ele funciona. Eu creio que vai ser um dos Decks com atacantes não GX que vão flutuar dentro do nosso formato, mas sem dúvida é algo que precisa de mais teste.

  1. Lost March

Não apenas o Jumpluff, mas as cartas ligadas a estratégia do Lost March em si. Esse Deck tem ganhado um certo Hype dentro da comunidade, mas tem uma razão para isso, o arquétipo anterior, chamado Night March teve muito sucesso, permitindo nocautear praticamente qualquer coisa com apenas 1 Hit no seu formato, com Pokémon de baixo HP que davam apenas 1 prêmio.

Esse conceito é forte por si só, o que torna ele provavelmente um bom Deck. Mas, acho que Joltik vai ter bem mais sucesso que aqui, ele é particularmente mais lento que o Night March que chegava a 200 de dano no primeiro turno, Lost March passa por diversos problemas para chegar a esses números antes, com estágios mais altos, precisando rodar uma quantidade maior de energias e tem menos itens bons a sua disposição, além de ter um meta mais balanceado no geral. Com certeza vai ser mais um dos bons Decks sem atacantes GX gigantes, que os jogadores irão se preocupar.

  1. Sceptile-GX

Normalmente não se fica animado com um Pokémon estágio 2, mas esse Sceptile GX parece ótimo! Descarta uma energia especial causando 60 de dano por apenas 1 energia, combinando com algumas cartas de cura, facilmente vence diversos Decks do formato atual. Seu segundo ataque é forte, bate o dano mágico 130 por 2 energias e conserva uma delas, então pode combar com Acerola e Poção Máxima. Seu GX não é algo espetacular, mas é uma boa opção, especialmente com tantos Decks de Spread no formato atual.

Sceptile GX é uma carta boa, mas o motivo pra estar tão acima nessa lista é por causa de outras duas cartas que tornam ela ainda melhor, Grovyle e o Sceptile regular da coleção anterior, Tempestade Celestial. Grovyle é a melhor pré-evolução que se pode desejar, tornando a inconsistência estratégia de estágio 2, consistente. Já o Sceptile regular é grande como Tech no formato atual, com grandes Ultra Criaturas, como Naganadel, Blacephalon e Buzzwole.

Existem outras cartas que ajudam Sceptile nessa coleção, a Net Ball, o estádio Life Forest e o Shaymin. Deck se encaixa bem no meta, Zoroark e decks baseado no Shrine of Punishment terão tempos difíceis com Sceptile, bater na fraqueza do Lycanroc não é algo ignorável, o problema aqui serão Decks com alto dano sem ser Ultra Criaturas, como Necrozma/Malamar e Rayquaza GX.

  1. Ditto Estrela Prisma

A carta que mais vai aparecer em todas as Decklists do formato. Sua habilidade deixa você evoluí-lo para qualquer Pokémon Estágio 1 respeitando as regras básicas do jogo. Todo Deck com pelo menos 2 Estágio 1 diferentes, automaticamente vai incluir essa carta, mesmo Decks com apenas uma linha de evolução, podem jogar com Ditto como um básico adicional, não existe razão para não jogar com ele. A única razão dessa carta não ter um lugar mais alto na lista, porque ela é uma carta que traz mais consistência para Decks com evoluções, mas sozinha não é uma carta muito impactante, não chega mudando o formato em si, não cria novas estratégias nem balança o meta. Sem dúvida alguma uma Staple e uma das melhores cartas de Trovões Perdidos.

  1. Giratina + Spell Tag

Masataka Hirano, jogador Top 16 e 32 dos dois últimos Mundiais de Pokémon, usou-as para vencer o Tokyo Champions League. Giratina é o real primeiro não GX atacante oficial para os Decks de Malamar. Na verdade é uma versão atualizada dos dois, com um ataque que causa 130 de dano por 3 energias.

Ao invés de descartar uma energia, ela causa dano ao próprio banco, mas é algo ignorado contra praticamente todos Decks. Ela ainda volta da pilha de descarte de graça e coloca dois marcadores de dano no campo do oponente. Com alguns Malamar e 1 Giratina, você não vai ficar sem um bom atacante em jogo.

O segundo Boost para os decks de Malamar, foi a ferramenta Spell Tag. É basicamente um Estouro do Balão exclusivo de psíquicos, perfeito para Giratina. Funcionando 2 vezes e 1 habilidade da Giratina, você leva 1 Magcargo, ou talvez um Natu de Lost March? Outro alvo fácil. A troca de prêmios de atacantes não-GX é algo forte, contra GX, Spell Tag ajuda a fechar alguns danos.

A lista do Masataka provavelmente vai se tornar a lista dos Decks de Malamar depois do lançamento de Trovões Perdidos.

  1. Alolan Ninetales-GX

Desde quando essa carta foi anunciada, sempre ganhou muita fama, mas tem seus motivos, é uma carta extremamente boa. Tudo sobre essa carta, é bom. O torneio Tokyo Champions League mostrou isso, com 3 listas totalmente diferentes e efetivas fazendo sucesso durante o torneio. A habilidade é muito versátil, a qualquer momento da partida, Decidueye pode buscar por Doces Raros rapidamente, Buzzwole busca por Anéis de Criatura e você pode até mesmo emparelhas buscando por 2 Custom Catcher. Vários Decks podem se beneficiar buscando 2 Itens. Seu primeiro ataque pode preparar futuros nocautes, com uma grande faixa de escolha.

O GX não tem conversa, se for uma Ultra Criatura, está nocauteado. Buzzwole e Blacephalon são duas cartas muito prováveis do meta, então é um ótimo recurso. A carta ainda evolui de um dos melhores básicos do formato, Alolan Vulpix é absurdo com seu ataque Beacon. O Sucesso dessa carta com certeza não ficará apenas no Japão e vai chegar com diversas listas diferentes!

  1. Blacephalon-GX e Naganadel

Essas duas cartas, claramente foram feitas para serem um Deck extremamente forte jogando juntas, eu espero muito sucesso desse combo. A estratégia é simples, trazer um monte de energia para campo usando Naganadel e Beast Ring e nocautear com Blacephalon. É comparável a altos danos, como Rayquaza GX e Vikavolt, mas tem algumas vantagens que deixa ele como o melhor da categoria. Mesmo que o Deck seja centrado no seu atacante GX, você pode fazer uma troca de prêmios favorável com o Naganadel. Primeiro ataque do Blacephalon segura bem o jogo no Turno 1, Naganadel é um bom atacante não GX, tem sinergia com o GX do Blacephalon, ajudando a chegar no número mágico de 3 prêmios. Contra Decks de Buzzwole, Naganadel pode ser o atacante principal.

Esse Deck não precisa de muito, pois, tem acesso a cartas consistentes como Tesouro Misterioso, Ultra Space e Heat Factory. Um grande nocaute no turno 2 deve ser comum, depois de ter acesso ao beast Ring.

Esse é o combo mais poderoso que surge com Trovões Perdidos, espero uma alta quantidade de listas com essas cartas no topo dos próximo torneios competitivos, começando pelo Latin América International em Novembro.

Esse foi o Top 10 da coleção Trovões Perdidos, obrigado por ler mais esse artigo! Como disse no início, essa coleção é incrivelmente forte, com cartas de muito potencial que vão mudar o formato padrão. Até a próxima! #brofistdosbrothers

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*