Conheça o que há de novo no D&D 5.0 Dungeon & Dragons Next

D&D_Game_1

Desde sempre, e para sempre, o clássico dos RPG’s D&D recebe mais versões, e nós da Solo Sagrado vamos lhe manter atualizado sobre o que há de novo na última. Que tal jogar os dados e tentar a sorte abaixo?

Quais as novidades do 5.0?

De edição em edição, o coração de D&D, a essência, se mantém a mesma, mas como isso é interpretado no sistema do jogo vem mudando a cada nova versão do RPG. Com a 5ª edição saindo agora, a ideia é deixar que o jogador possa levar o jogo da forma como ele quiser. Caso prefira jogar com miniaturas, perfeito, isso vai ser possível, mas se o grupo for de jogadores old school, e esses curtirem ter o mestre narrando as situações, ótimo, isso também será possível.

Na edição anterior vocês devem se lembrar que as classes eram pré-estruturadas, estavam presas a suas determinadas skills, habilidades e talents. Magos tinham sua própria árvore de skills, e meios de utiliza-la, e por ai vai. Agora não! Agora o personagem tem muito mais liberdade para improvisar com o ambiente ou ajudar os companheiros, sem que ele tenha que ter liberado uma determinada habilidade na sua jornada.

Trocando em miúdos, um guerreiro na versão anterior teria que rebolar com suas habilidades (com efeitos já pré determinados) para derrubar um inimigo, já no 5.0 não, esse mesmo guerreiro, poderá dizer ao Dungeon Master que agarrará os tornozelos do inimigo e tentar joga-lo no chão, e quem determinará o que acontece é o Mestre, e não mais apenas um livro com descrições de habilidades e um dado.

O novo sistema de vantagens e desvantagens

O sistema é simples, se um ranger sobe uma árvore para enfrentar uma wave de goblins, ele terá vantagem sobre eles enquanto estiver lá em cima. Já (se) esse mesmo ranger, se enroscou em uma teia enquanto enfrentava um zumbi, então ele estará em desvantagem.

Agora você deve estar se perguntando, “ok, mas o que vai mudar?”. Na verdade, a implementação é simples, mas é muito interessante. No caso do nosso ranger acima estar em vantagem, ele rolará dois dados de 20 lados (D20), em vez de um, e usará o resultado maior. Já quando ele está em desvantagem, ele também rolará os dois, mas será forçado a usar o menor resultado. Ou seja, faça uso da sua criatividade, vista a pele do personagem, e aja como tal, afinal, você vai ser o ranger que ficou preso na teia ou o que subiu na árvore?

As skills e seu novo funcionamento

As skills ficaram muito mecânicas no decorrer da 4ª versão. Você era obrigado a treinar uma, por exemplo, “Percepção”, e depois escolheria quantos pontos você gastaria com ela. Agora, na nova versão de D&D, as skills que você possui, são diretamente ligadas aos pontos que você atribui ao seu personagem, tais como, força, destreza, inteligência e etc.

A ideia de se especializar em alguma skill ainda existe, porém na nova versão, o sistema de proficiência permite que os jogadores sejam aptos em todos os tipos de coisas; desde armas, uma categoria de spell, ferramentas, e assim por diante. Ou seja, em vez de escolher uma área e possuir aquilo, você terá os pontos de bônus para todas as proficiências. Se você for um Rogue level 1, e vai usar sua habilidade de Stealth, na hora de rolar os dados você adicionará seu bônus de proficiência (no caso +2 nesse level).

Tivemos várias novidades que mudarão o sistema de jogo de D&D, mas como vimos aqui, são mudanças para melhor, elas tornarão o jogo muito mais dinâmico, e sua criatividade poderá render-lhe bons frutos se souber aproveitá-la.

Compre clique aqui e compre no Solo Sagrado Cards!

E você, já jogou a nova versão? Qual é sua versão preferida de D&D? Nos conte aqui sua primeira impressão sobre as mudanças, e continue ligado na Solo Sagrado para mais novidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*